Monday, June 30, 2008

Broas de Natal

Porque o Natal é quando um homem quiser.
E porque tinha umas batatas doces lá em casa e não sabia que destino lhes devia dar, resolvi esperimentar esta receita de Broas de Natal da Ana do No Céu da Boca.
Devo dizer que não sou grande fã de batata doce e por isso estava com poucas expectativas em relação às broas, mas estas surpreenderam-me pois são deliciosas! E, se não acreditam, experimentem que vale a pena!
Ela diz que dá muito trabalho, mas eu nem achei que desse assim tanto trabalho, o que demora mais é moldar as broas, mas até isso achei que se fazia bem.

Broas de Natal


Ingredientes:
1 kg de batata doce (tinha duas batatas doces que depois de cozidas e descascadas pesavam 715 g)
800 g de açúcar (570 g)
100 g de amêndoa (usei 60 g de avelãs, que descasquei com faca e moí, isto é que deu muito trabalho!)
5 gemas (usei 4 gemas pequenas)
150 g de côco (10o g)
raspa de laranja (usei limão)

NOTA: Voltei a fazer as broas em 2009/12/13 e para 1 Kg de batata doce usei apenas 600g de açúcar. Mesmo assim ainda achei muito doce.

Preparação:
Coza a batata doce com casca e depois de cozidas descasque e reduza a puré esmaguei com um garfo).

Depois, leve o açúcar ao lume com um pouco de água até fazer ponto de pérola. Logo que o açúcar atingir o ponto pérola, retire do lume (bem, confesso que não sei fazer pontos de nada e ainda pensei desistir, mas resolvi deixar a água e o açúcar começarem a ferver e assim que fez “espuma” desliguei. Não deve ser isto, mas também não ficou mal).
Juntar todos os outros ingredientes.

Mexer bem e levar de novo ao lume até fazer ponto de estrada (fica uma estrada aberta quando se passa a colher no fundo do tacho- e este eu sei, mas não levei novamente ao lume pois já estava bem seco).
Tire do lume e deixe arrefecer (ela põe numa travessa para arrefecer mais rápido, eu deixei no tacho umas horas enquanto fazia outras coisas e ainda estava morna pelo que deu algum trabalho a moldar, recomendo que esperem até que arrefeça mesmo. Usei uma colher de sopa por broa).
Depois da massa estar fria molde as broas, pincele com gema de ovo (usei um ovo inteiro ligeiramente mexido, daí que não tenham ficado tão amarelinhas) e leve a cozer num tabuleiro forrado com papel vegetal em forno médio, 160-180ºc (deixei cozer 35 minutos).

Thursday, June 26, 2008

Pãezinhos de Queijo

Esta receitinha só foi possível porque a minha Amiga Secreta, a querida Dani do Umbigo no Fogão, me perguntou que prenda é que eu queria e eu respondi "polvilho". Já houve polvilho em Macau, mas já há muito tempo que não há. Ela foi muito simpática e enviou-me polvilho doe e polvilho azedo. O azedo resultou nestes pãezinhos deliciosos duma receita que encontrei no blog O Meu Cantinho da Marta e que ficou deliciosa!


Pãezinhos de Queijo

Ingredientes:
500g de polvilho azedo
1 chávena de leite
1/2 chávena de óleo
2 chávenas de queijo ralado (usei Parmesão)
1 colher de chá de sal
2 ovos

Preparação:
Numa panela leve o leite e o óleo ao lume até ferver.
Entretanto coloque o polvilho numa taça e posteriormente deite o leite e o óleo a ferver por cima para escaldar.
Junte o sal e mexe com uma colher de pau até misturar.
Deixe repousar até ficar morno.
Bata os ovos e junte ao preparado, e adicione de seguida o queijo ralado.
Com as mãos untadas em óleo faça pequenas bolinhas (do tamanho que desejar) e coloque num tabuleiro untado com mais um pouco de óleo (usei papel de alumínio).

Leve ao forno médio (+/- 180 Cº) até os pãezinhos ficarem dourados mas fofinhos por dentro.

Wednesday, June 25, 2008

Pato Estufado com Feijão Amarelo Salgado

Esta receita foi a mãe do marido que fez na nossa casa enquanto eu tirava fotografias e tomava nota da receita.
Entretanto, não sei onde foram as notas, mas como tenho as fotos vou reconstituir a receita que é algo muito simples mas que fica muito saboroso.
Recomendo retirar o máximo possível da grodura do pato pois ficou um bocadinho gordo demais para o meu gosto.

Pato Estufado com Feijão Amarelo Salgado

Ingredientes:
1 pato com cerca de 1.5 kg
2 colheres de sopa de feijão amarelo salgado

1 pedaço de gengibre com cerca de 15 cm x 3 cmdescascado e cortado em rodelas grossas
2 dentes de alho picados
2 colheres de sopa de molho de soja
Óleo
Água

Preparação:

Aloure o alho e o gengibre em lume brando num pouco de óleo bem quente.

Junte o feijão e mexa bem, para misturar, deixando "fritar" um pouco.
Adicione o pato e envolva bem.
Adicione o molho de soja e a água e deixe ferver até o pato estar cozido e ficar com pouco molho, cerca de 1 hora.

A receita não leva sal pois o feijão é salgado e o molho de soja também.

Depois sirva com arroz branco ou arroz de cenoura e salada!

Tuesday, June 24, 2008

Broas de Canela

Não é novidade para quem me conhece que eu adoro canela e quando vi estas deliciosas broas de canela no Arte aromática da Elisabete não descansei enquanto não as fiz.
Desde que ela as publicou já as repeti pelo menos 3 vezes e, quem gosta de canela, adora!
São mesmo diferentes e especiais e eu mudei um dos ingredientes, troquei o óleo por azeite e achei que ainda ficaram melhores!
Ela tirou a receita do site da Vaqueiro

Broas de Canela

Ingredientes (rendeu 26 broinhas pequenas):
500 g de farinha
1 colher de café de sal
1 colher de chá de fermento em pó
2 colheres de sopa de canela
100 g de açúcar amarelo (usei 80 g de brown sugar)
100 g de mel espesso
2 dl de óleo Vaqueiro (usei azeite)
Açúcar em pó

Preparação:
Ligue o forno e regule-o para os 180 °C.
Deite a farinha, o sal, o fermento, a canela e o açúcar amarelo numa tigela e misture tudo.

Abra um buraco no meio e deite aí o mel e o óleo Vaqueiro amornado (fervi o mel com o azeite).
Misture tudo com uma colher de pau até ligar os ingredientes (a massa fica meio seca e só apertando se consegue fazer as broas).

Molde a massa em broinhas e coloque-as num tabuleiro de forno polvilhado com farinha (usei papel vegetal).

Leve a cozer entre 10 a 15 minutos.

Deixe arreferecer um pouco e passe as broinhas por açúcar em pó.
E delicie-se!!!!

Monday, June 23, 2008

Polvo Assado no Forno

Esta receita de polvo que descobri no Gastronomias é feita cá em casa há muito, muito tempo e que já publiquei aqui, mas como é repetida muitas vezes por aqui, deixo mais uma foto para abrir o apetite.

Com batatinha assada e salada é óptimo!

Friday, June 20, 2008

Lombo Recheado com Mozzarella, Cenoura e Bacon

A minha Amiga Secreta, a querida Dani do Umbigo no Fogão, conhecia muito bem a minha preferência por carne de porco quando me enviou um livrinho com várias maneiras de preparar a mesma.

Esta é mais uma receitinha desse livro.

Lombo recheado com mozzarella, cenoura e bacon
Tempo: 1h30m (+ 6 h de geladeira)

Ingredientes para 10 porções:
2 ½ Kg de carne tipo lombo de porco em peça
6 fatias de queijo mozzarella (mussarela)
2 cenouras raladas
½ xícara de chá de bacon em cubos frito
Suco de 1 limão
½ xícara de chá de vinagre
3 dentes de alho espremidos
1 cebola ralada
1 folha de louro
Sal e pimenta do reino a gosto

Preparo:
Com uma faca, abra o lombo ao meio, no sentido do comprimento, formando um bife (sem descolar as duas partes, abri em 3 partes sem descolar, para ficar mais fino e fácil de rechear)
Recheie com mozzarella, cenoura e bacon.
Enrole como torta (rocambole) e feche com fio de cozinha (barbante).
Transfira para uma tigela, tempere com o limão, vinagre, o alho, a cebola, o louro, sal, pimenta e leve à geladeira por 6 horas (deixei durante a noite).
Coloque em uma assadeira, cubra com papel alumínio e leve ao forno médio (180ºC), pré aquecido, por 50 minutos.
Descarte o papel de alumínio e asse por mais 30 minutos ou até dourar.
Fatie o lombo e sirva com o molho que se formou na assadeira.
Se desejar, decore com talos de salsa.

Servi com arroz de cenoura e bróculos cozidos

Thursday, June 19, 2008

Assado de vegetais

Este assado de vegetais de “fim de Verão” é da Judy Williams, Hayden, Idaho e também é da revista que mencionei no post anterior, a "Taste of home".
É muito fácil de fazer e muito saboroso.

End of summer vegetable bake

Ingredientes para 12 porções:
1 couve flor pequena, cortada em pequenos pedaços (cerca de 5 chávenas)
1 bróculo médio, cortado em pedaços pequenos (cerca de 4 chávenas)
1 cebola média, picada
2 dentes de alho, picados
1 colher de sopa de manteiga
2 tomates médios, picados
¾ de colher de chá de mangericão seco
¾ de colher de chá de orégãos secos
¾ de colher de chá de sal
¼ de colher de chá de pimenta
¼ de colher de chá de molho de pimenta picante (hot pepper sauce - não usei)
4 ovos
1/3 de chávena de creme half and half (usei apenas 2 colheres de sopa de natas)
1 ½ chávenas (6 onças) de queijo suiço ralado (não usei)
¼ de chávena de queijo Parmesão ralado (usei ½ chávena + algum para polvilhar)

Preparação:
Coza a couve flor e os bróculos num pouco de água mas não demasiado.
Escorra e reserve.
Salteie a cebola e o alho na manteiga até ficarem moles.
Acrescente os tomates, os temperos, a couve flor e os bróculos .
Cozinhe, destapado até que tudo esteja bem envolvido e quente, por uns 4 minutos.
Retire do lume e reserve.
Numa tigela grande, bata os ovos com o half and half cream (natas, no meu caso).
Adicione uma chávena de queijo suiço, queijo parmesão e os vegetais e misture com cuidado.
Tranfira para um pirex untado , polvilhe com o queijo suiço restante e leve ao forno a 180ºC durante 25-30 minutos.
Deixe esfriar 10 minutos antes de servir.

Wednesday, June 18, 2008

Savory cauliflower pie - Tarte deliciosa de couve flor

O marido sabe que eu adoro revistas de culinária e num dos seus “passeios” pela net encontrou algumas revistas americanas “Taste of Home”.
Foi na edição especial de 2007 dessa revista que tem “Prizze winning recipes” que na página 120 encontrei duas receitas que me chamaram a atenção, tendo testado as duas quase de seguida. Uma é a “Savory cauliflower pie” e a outra o “end of summer vegetable bake”.
Este post fala da Savory cauliflower pie, da Debbie Hart, Fort Wayne, Indiana que eu adaptei. É muito fácil de fazer, é uma maneira diferente de usar a couve flor e é muito saborosa (tal como o nome indica)

Tarte deliciosa de couve flor

Ingredientes para 6-8 porções:
1 base de massa folhada para tarte
¼ de chávena de manteiga
1 couve flor, cortada em pedaços pequenos (cerca de 5 chávenas)
1 chávena de cebola picada
1/2 chávena de cenoura cortada em rodelas (usei 1 chávena, cortada muito fina)
1 dente de alho, picado
½ colher de chá de sal
¼ a ½ colher de chá de orégãos secos (usei ½ colher)
1 chávena ( 4 onças) de queijo cheddar ralado (usei mozzarella)
2 ovos
¼ chávena de leite

Preparação:
Derreta a manteiga numa frigideira larga e salteie a couve flor, a cebola, as cenouras em lume médio durante 10 minutos, mexendo sempre. Tempere com sal e orégãos.
Barre a forma com manteiga e coloque a massa folhada.
Pique com um garfo e espalhe metade do queijo ralado sobre a base.
Distribua o recheio de couve flor e polvilhe com o restante queijo ralado.
Numa tigela, bata os ovos com o leite e despeje sobre a tarte.
Leve a tarte ao forno a 180ºC durante 30 minutos ou até que uma faca inserida no centro saia limpa e a couve flor esteja tenra.

Thursday, June 12, 2008

Foto

Posted by Picasa
Espero que seja desta que a foto apareça...

Tuesday, June 10, 2008

Beijing - o regresso


Regressei no sábado passado, cansada, cheia de saudades dos filhotes, mas cheia de novas experiências, gastronómicas e não só nesta nova viagem a Pequim.

Na foto:
Pescoço de porco assado, entrada de vieiras e azeitonas, beringela, acompanhamentos do pato à Pequim
Pato à Pequim, empregado a cortar o pato à Pequim junto à mesa, arroz xau xau, Yangzhou style, mais dois empregados a cortar pato à Pequim
Pãezinhos de sementes de sésamo para colocar lá dentro o pato à Pequim (isto é novidade, mas continuam a existir as hóstias transparentes e deliciosas), pato à Pequim já fatiado e na mesa, frango com caju e caldo feito com os ossos do pato