Wednesday, February 29, 2012

Penne Gratinado com Frango

Tinha uns restos de frango grelhado que sobraram de um almoço e, para mudar o aspecto e ter outro prato diferente com o mesmo ingrediente resolvi dar uma espreitadela em alguns blogs que costumo visitar.
Encontrei esta receita de Penne Gratinado com Frango que resolvi fazer e ficou muito bom!

Penne Gratinado com Frango 


Ingredientes:
300 g de restos de frango desfiado ou aos bocadinhos pequeninos
1 lata de cogumelos
2 colheres de sopa de linguiça picadinha ou chouriço de carne
2 colheres de sopa de azeite
Metade de uma cebola picada
1 dente de alho picado
1 colher de sopa de farinha
3 dl de leite
Queijo mozzarela ralado
300 g de penne cozido - al dente
Sal e pimenta



Preparação:
Numa caçarola coloque o azeite, a cebola, o alho, a linguiça e o frango e deixe refogar um pouco.
Junte a farinha mexendo sempre.
Adicione o leite e os cogumelos.
Tempere com sal e pimenta deixando cozer até engrossar.
Retire do fogo e junte o penne.
Coloque num pirex e cubra com queijo ralado.
Leve ao forno a gratinar.
Sirva de seguida, e acompanhe com salada.



Tuesday, February 28, 2012

Sopa de Pedra

O meu filho adora as sopas típicas portuguesas, com muita coisa lá dentro.
Assim, decidi experimentar fazer a sopa da pedra que ficou muito boa e ele adorou.
Para conhecer a história do nome da sopa, visitem o site de onde retirei a receita.

Sopa de Pedra

Ingredientes
1 lata de feijão manteiga
1 chispe
1 pedaço de carne de vaca
1 cebola
1 chouriço de carne
1 pedaço de entremeada
1 farinheira (não usei)
1 morcela
2 cenouras
1 nabo
1 couve lombarda
1 ramo de coentros
Colorau
Sal e pimenta




Preparação:
Coza o chispe, a carne de vaca cortada em pedacinhos e a cebola num pouco de água temperada com sal.
A meio da cozedura junte o chouriço de carne em pedaços, a entremeada cortada, a farinheira e a morcela em pedaços pequenos.
Acrescente as cenouras em rodelas e o nabo em pedaços.
Acrescente o feijão escorrido, o lombardo cortado fino e o ramo de coentros.
Tempere com colorau, sal e pimenta.
Deixe o lombardo cozer, retire o chispe, desosse-o, corte em pedaços e junte novamente à sopa.



Monday, February 27, 2012

Bife à Carlos Gardel

A carne favorita do meu filho é bife. Se eu deixasse ele comia bife todos os dias. De vez em quando faço-lhe a vontade e é uma festa.
Esta é uma receita do Chef Santiago Cascardo, publicada na revista Cozinhar sem Stress de 2010, a única que comprei porque nunca mais consegui encontrar essa revista, que adoro e tem receitas simples e deliciosas.



Bife à Carlos Gardel



Ingredientes:
1 kg de batatas
1 ramo de salsa
2 malaguetas (não usei)
1 cabeça de alhos
50 g de margarina
4 bifes de vaca
1 embalagem de alface mista (fiz salada de alface)
Sal, chimichurri (não usei), orégãos, azeite vinagre q.b.

Preparação:
Lave muito bem as batatas e corte-as ao meio.
Coloque-as num tabuleiro e tempere-as com sal, a salsa, orégãos, as malaguetas e azeite.
Leve-as ao forno durante 45 minutos.
Quando as batatas estiverem assadas, leve a margarina ao lume e acrescente-lhe os bifes; tempere-os com sal, os alhos esmagados e deixe corar. Salpique-os com o molho chimichurri e cozinhe apenas por alguns minutos.
Lave a mistura de alfaces e escorra-as.
Sirva com os bifes, as batatas assadas e o molho.
Nota:
Chimichurri é um molho tradicional na Argentina e no Uruguai, preparado à base de salsa, alho, vinagre e azeite. Usado principalmente para fazer churrascos, serve também para temperar a carne depois de pronta. Pode ainda ter algumas derivações em que é substítuida a salsa por coentros ou orégãos, e acrescentada pimenta.

Remédio Natural: As malaguetas são uma óptima fonte de vitamina C. Podem ainda actuar como anticoagulante e baixar a tensão arterial e os níveis de colesterol do sangue.


Friday, February 24, 2012

Aletria

Aletria é um doce de Natal que nunca tinha experimentado fazer e, que num destes dias decidi que tinha de experimentar, mesmo sem ser Natal.
Procurei várias receitas e sem saber muito bem qual escolher decidi-me por esta aletria depois de pedir a opinião de um colega de trabalho que me disse que prefere aletria de cortar à faca. Ele comeu e disse que estava bom, mas eu ainda vou ter de experimentar a outra, mais cremosa e parecida com o nosso arroz doce.



Aletria



Ingredientes:
250 g de aletria
2 cascas de limão
1 pau de canela
1 colher de chá de manteiga (50 g)
200 g de açúcar
1/2 litro de água
1/2 litro de leite
2 gemas
Sal
Preparação:
Numa panela juntar a água, o leite, a manteiga, o sal, o açúcar, a casca de limão e o pau de canela.
Quando começar a ferver juntar a aletria já partida.
Demora uma média de 3/4 minutos a cozer.
Retirar quando estiver cozida do fogão, e adicionar 2 gemas, mexendo rápido para que não cozam e, se envolvam no preparado.
Depois de misturado leve ao lume mais 1 minuto sem parar de mexer e retire.
Verta em pratos e polvilhe com canela a gosto.
Nota: Esta receita dá para 2 pratos fundos.



Thursday, February 23, 2012

Sopa de Feijão Branco

O meu filho adora feijão e sopas que levem feijão. Assim, enquanto folheava uma das inúmeras revistas que andam por aqui, descobri na Cozinha Prática de Sucesso nº76, página 11 esta sopa que me pareceu deliciosa, além de ser facilissima e muito rápida de fazer.
Decidi experimentá-la, mas esqueci-me do pormenor que os filhos não apreciam abóbora e, mesmo tendo ficado deliciosa, eles não gostaram.
Mas eu vou repetir para mim e para o marido!

Sopa de Feijão Branco

Ingredientes:
300 g de feijão branco, cozido
3 dentes de alho
0.5 dl de azeite
200 g de abóbora
Salsa
Sal

Preparação:
Aloure a cebola picada no azeite quente.
Adicione a abóbora em pedaços, o feijão escorrido e a salsa.
Tempere com um pouco de sal e deixe cozer 5 minutos ou até a abóbora estar cozinhada.

Wednesday, February 22, 2012

Bolachas de Mel Decoradas

Lembram-se deste post a "pedinchar" Like/Gosto/Curtir no desenho da minha filha?
Pois é, a minha princesa ganhou a sua boneca, que já está a ser feita e, em jeito de agradecimento, os colegas de trabalho receberam uma bolachinha decorada com os dizeres "Obrigado; Thanks; Thank You; Merci; Xie Xie".
Aos que não é possível entregar a bolacha pessoalmente, aqui fica em jeito de agradecimento.
A receita original tem uma cobertura de açúcar e canela que eu não fiz porque ia decorar as bolachas.


Bolachas de Mel Decoradas 
Ingredientes:
185 g de manteiga em temperatura ambiente
½ chávena de açúcar (90 g)
½ chávena de mel (120 ml)
1 ovo
2 ½ chávenas de farinha de trigo (310 g)
1 clara batida levemente (para pincelar – não usei)


Açúcar de canela: (não fiz esta parte, decorei com pasta de açúcar tal como nas Bolachas Decoradas com Sabor a Baunilha)
1/3 chávena de açúcar
½ colher de sopa de canela em pó
Para fazer o açúcar de canela misture a canela e o açúcar e reserve.


Preparação:
Coloque a manteiga, o açúcar e o mel num processador e bata até ficar uma mistura homogénea.
Acrescente o ovo e processe para incorporá-los.
Por fim acrescente a farinha de trigo e misture até que ela se incorpore totalmente.
Envolva a massa em película aderente e leve ao frigorífico durante 20  30 minutos (a minha ficou de um dia para o outro).
Pré-aqueça o forno a 180º C.
Abra a massa entre 2 folhas de papel manteiga (abri na bancada polvilhada com farinha, mas achei a massa muito mole e difícil de trabalhar).
Corte no formato desejado.


Pincele as bolachas com a clara levemente batida e polvilhe com a mistura de açúcar e canela.
Coloque no tabuleiro e leve ao forno cerca de 15 a 20 minutos.
Não é preciso deixar muito espaço entre elas pois não espalham muito.

Rende cerca de 45 a 50 bolachas de tamanho médio


Tuesday, February 21, 2012

PIZZA DE MASSA

E, quando ao domingo não nos apetece cozinhar e temos no frigorífico um resto de massa cozida, o que sai para o jantar? Pizza de massa! Foi o que o meu filho chamou a esta invenção aqui da mamã, que ele adorou!  A irmã, como não aprecia molho de tomate não achou lá muita piada, mas também comeu, mas a raspar o molho...

Pizza de Massa
Ingredientes:
Massa cozida
Molho de tomate
Queijo mozzarella ralado
Queijo mozzarella em fatias (especial pizza)
Azeitonas a gosto
Chouriço a gosto

Preparação:
Forre um tabuleiro com papel de alumínio'
Espalhe a massa cozida de modo a que fique bem junta e sem "buracos".
Espalhe o molho de tomate por cima da massa, tal como faz na pizza.
Fiz o molho de tomate refogando cebola picada em azeite e juntando tomate picado.
Temperei com sal, pimenta preta moída e oregãos.
Quando estava tudo cozido triturei.
Polvilhe bastante queijo ralado por cima do molho de tomate, acrescente azeitonas e fatias de queijo mozzarella especial pizza.
Coloque também algumas rodelas de chouriço.
Leve ao forno a 200 ºC durante 20 minutos e sirva.

Monday, February 20, 2012

Bolachas Decoradas com Sabor a Baunilha

A vida continua e eu queria agradecer a todos pelos comentários aqui deixados.

Hoje trago uma receita que descobri quando andava a tentar perceber como se decoravam bolachas com pasta de açúcar pois queria experimentar.
Estas são umas bolachinhas muito românticas pois foram feitas e decoradas no fim de semana anterior ao dia dos namorados para oferecer aos colegas de trabalho, que adoraram a surpresa e alguns ainda têm a bolacha embalada e colada no computador pois dizem que é muito bonita para comer.
Para primeira experiência com a decoração de bolachas com pasta de açúcar não foi mau e não é nada dificil. A massa das bolachas é um pouco mole e não aguenta muito bem o formato da bolacha, ou eu deixei tempo a menos no frigorífico…

Bolachas Decoradas com Sabor a Baunilha

Ingredientes:
300 g de açúcar branco (usei brown sugar)
300 g de manteiga sem sal, em pedaços
2 ovos grandes
1 colher de chá de baunilha
500 – 550 g de farinha, peneirada (usei 550 g)
Farinha para polvilhar a bancada

Preparação:
Numa tigela ou na tigela da batedeira, misture a açúcar, a baunilha e os ovos.
Acrescente a farinha e a manteiga e continue a bater até estar tudo misturado.
Amasse um pouco à mão e depois enrole em pelicula aderente e leve ao frigorifico durante 2 horas.
Passado este tempo, estique a massa numa superfície enfarinhada até à espessura desejada.
Corte as bolachas com os cortadores no formato pretendido e coloque num tabuleiro (forrei o meu com papel vegetal).
Se a massa começar a ficar mole enquanto está a cortar as formas coloque novamente no frigorífico mais alguns minutos.
Coloque o tabuleiro no forno pré aquecido a 170ºC e deixe cozer durante cerca de 15 minutos.
Retire as bolachas do forno, deixe arrefecer um pouco e depois trasfira-as para uma grade onde as deve deixar arrefecer por completo.

Enquanto espera que as bolachas arrefeçam, corte os mesmos formatos das bolachas em pasta de açúcar.
Prepare um xarope com 1 colher de chá de mel desfeito num pouco de água (cerca de meia colher de chá).
Pincele ligeiramente a bolacha já fria com o xarope de mel e cole o mesmo formato da pasta de açúcar, pressionando ligeiramente.
Alise as bordas da pasta de açúcar à volta da bolacha.
Quando a pasta de açúcar secar escreva a sua mensagem com canetas de tinta comestível.
Divirta-se!


Rende entre 25 a 30 bolachas de tamanho médio.

Wednesday, February 15, 2012

CHOQUE

Esta notícia espelha um pouco (ou muito) o que se passa em Portugal nesta época de crise e austeridade onde quem sofre são os que menos têm e que desesperam de tal modo sem ver uma saída que acabam por esgotar todos os caminhos e por fim à vida.
Foi o que aconteceu no passado dia 13 à noite.
Depois de estar sem trabalho desde Agosto do ano passado, com o dinheiro sempre a escassear e sempre à procura de emprego sem conseguir encontrar, o meu padrasto decidiu pôr fim à vida e suicidou-se.
Foi esta a minha primeira notícia do dia dos namorados que me deixou sem palavras e em estado de choque, tal como ficou a minha mãe e quem o conhecia pois era uma pessoa bem disposta e que estava sempre pronta a ajudar quem precisasse...
E, ainda em Dezembro esteve cá em Macau...
A vida é tão curta...

Friday, February 10, 2012

CAMPANHA

Hoje não trago receita, apenas um pedido da minha filha.
Ela ontem estava feliz por estar em primeiro num concurso no Facebook, mas a concorrente directa é muito forte.
Se ela ganhar o desenho dela "ganha vida" e a boneca que ela desenhou passa a ser uma linda boneca de pano.
Hoje não quero comentários, quero um "Gosto".  :-)
A votação é até dia 15 de Fevereiro, às 24h, hora de Portugal e basta fazer "Gosto/Curtir/Like" no desenho dela no seguinte link: http://www.facebook.com/photo.php?fbid=124714190984922&set=a.119595208163487.18177.100003390260485&type=1&theater
Obrigada a todos!




There's no recipe today, just a request.
My daughter is trying to win a Facebook contest that will make this drawing in a rag doll.
She was very happy yesterday, but to win she needs more "Like" on the above link. Votes until February, 15th.
Thanks! 


我想我女兒的夢想成真,把她畫的小公主變成一個真的布洋娃娃。
請大家幫幫手,按以下連結投我女兒畫的畫一投票 (讚好/Like)!
謝謝大家!:D




Thursday, February 09, 2012

Filetes Escondidos

Ando sempre à procura de receitas e modos diferentes de fazer peixe para que nesta casa se coma mais peixe. A minha filha adora peixe, mas o filho só gosta de filetes, de preferência panados e eu não gosto muito de fritos...
Assim, quando vi esta receitinha da querida Risonha decidi guardar para depois experimentar.
Não teve o sucesso que eu tinha esperado, pois os filhos e o marido não gostaram muito.


Filetes Escondidos
Ingredientes:
800 g de filetes
1 limão (sumo)
0,5 dl de vinho branco
1 fio de azeite
3 ovos
70 g de queijo parmesão ralado
Sal e pimenta

Preparação: 
Tempere os filetes de pescada com sal, pimenta e sumo de limão e deixe tomar gosto por 2 horas.
Coloque os filetes numa assadeira e regue com o vinho branco e o azeite.
Leve a assar no forno, a 180º C, durante 25 minutos.
Bata as gemas e à parte bata as claras em castelo. 
Envolva as duas, adicione o queijo ralado e coloque sobre o peixe.
Leve novamente ao forno para gratinar.
Sirva com acompanhamento a gosto.


Servi com arroz de cenoura para os miúdos e com vegetais salteados.






Wednesday, February 08, 2012

Pasticcio

Tenho uma colecção de livros lá em casa e gosto de experimentar as receitas que vou marcando (e são tantas!...)
Foi no livro “Portable Chef – Pasta” que vi esta receita que me pareceu interessante e que decidi experimentar.
Ficou saboroso mas os filhotes não gostaram da cobertura.




Pasticcio
Ingredientes para 6 pessoas:
2 copos de fusilli
1 colher de sopa de azeite + um pouco para pincelar
4 colheres de sopa de natas
Sal
Salada mista para acompanhar

Molho:
2 colheres de sopa de azeite
1 cebola, finamente picada
1 pimento vermelho, limpo de sementes e cortado em pedaços (não usei)
2 dentes de alho, picados
5 ¼ copos de carne de vaca picada
400 g tomates picados
½ copo de vinho branco
2 colheres de sopa de salsa picada
50 g de anchovas, escorridas e picadas (não usei)

Cobertura:
1 ¼ copos de iogurte natural
3 ovos
1 pitada de noz moscada moída
½ copo de queijo Parmesão ralado
Preparação:
Coza a massa em água a ferver com sal, durante 10 minutos.
Retire, escorra e junte as natas.

Entretanto prepare o molho:
Aqueça o azeite e salteie a cebola e o pimento durante 3 minutos.
Acrescente o alho e deixe cozer durante 1 minuto.
Junte a carne e deixe alourar.
Junte os tomates e o vinho e deixe ferver durante 20 minutos, até engrossar.
Acrescente a salsa e as anchovas.
Tempere a gosto com sal e pimenta.

Para a cobertura, bata os ovos com o iogurte e a noz moscada.

Pincele um tabuleiro com azeite.
Coloque metade da massa no fundo do tabuleiro e cubra com metade do molho de carne.
Repita o processo.
Coloque a cobertura por cima e polvilhe com o queijo.
Leve ao forno a 160 C durante 25 minutos ou até dourar.

Sirva com salada.



Tuesday, February 07, 2012

Creme de Couve Flor

A couve-flor é um legume pouco apreciado cá em casa, mas eu vou insistindo e aos poucos ela começa a ser aceite. E eu vou procurando fazer sempre receitas diferentes. Sopa é algo que está todos os dias na mesa e quando vi esta sopa decidi experimentar. O filho põe imensa pimenta branca e diz que é boa... a filha come mas não aprecia muito, mesmo sendo grande apreciadora do queijo parmesão.


Creme de Couve Flor

Ingredientes:
1 couve flor pequena
1 cebola média
2 dentes de alho
Azeite
1 l de caldo de carne (usei água)
1/2 chávena de queijo parmesão ralado



Preparação:
Corte a couve flor em pedaços pequenos e reserve.
Aloure a cebola e o alho picados num pouco de azeite.
Adicione a couve flor e o caldo de carne e deixe cozer até a couve ficar macia, uns 15 a 20 minutos.
Triture a sopa até ficar cremosa.
Adicione o queijo parmesão ralado na hora e tempere com sal e pimenta a gosto.





Friday, February 03, 2012

Muffins de Batata Doce com Crosta de Canela e Açúcar

E, como hoje é sexta-feira deixo aqui um docinho para o fim de semana. Estes muffins são muito fofinhos e saborosos. A crosta dá-lhes um gostinho delicioso, principalmente para quem adora canela como eu. Deixei alguns sem crosta para quem não gosta de canela e provei mas não os achei tão bons. Experimentem!


Muffins de Batata Doce com Crosta de Canela e Açúcar

Ingredientes:
280g farinha (usei metade integral)
1-1/2 c.chá fermento
1/2 c.chá sal (não usei)
1/4 c.chá bicarbonato de sódio
1/4 c.chá noz-moscada
80g buttermilk (80g leite + 1 c.sobremesa de vinagre ou sumo de limão) 
80g leite
140g batata doce
1 c.chá extracto baunilha
115g manteiga
150g açúcar amarelo (usei 120 g)
2 ovos


Crosta:
95 g açúcar (usei 50 g de brown sugar, mas ficou muito sólido e difícil para mergulhar os muffins)
2 c.chá canela
1/4 c.chá noz moscada
30 g manteiga derretida



Preparação:
Misture o leite do buttermilk com 1 c.sobremesa de vinagre ou sumo de limão e deixe descansar por 10 minutos até o leite talhar.
Coloque a batata doce com casca, enrolado em papel de cozinha, no microondas e coza por 8 minutos, até amolecer.
Retire a casca e reserve.

Misture numa taça a farinha, o fermento, o sal, o bicarbonato de sódio e a noz moscada. Reserve.

Noutro recipiente, misture o leite, o buttermilk, a batata doce e o extracto de baunilha. Reserve.

Numa taça grande, bata a manteiga com o açúcar até que fique bem fofo. Junte os ovos um a um, batendo bem entre cada adição.
Vá então juntando alternadamente as duas misturas reservadas, começando e acabando com os ingredientes secos. Apenas incorpore os ingredientes, sem bater demasiado.

Coloque o preparado em formas de muffins, sem encher demasiado, pois vão crescer muito.
Leve ao forno pré-aquecido a 180º, até passarem no teste do palito.

Enquanto isso, coloque os ingredientes secos da crosta numa taça e misture. Derreta a margarina no microondas.
Quando os muffins tiverem arrefecido o suficiente para serem manuseados, desenforme-os, pincele-os totalmente com a manteiga e role-os pela mistura de açúcar e canela.



Thursday, February 02, 2012

Tarte de Courgette

O marido não é grande apreciador de tartes, mas eu sou insistente e, de vez em quando, lá surge uma tarte para o almoço.
Os miúdos não apreciam, mas acho que com alguma insistência, um dia também vão aprender a gostar.
Esta receita é de uma das muitas revistas de culinárias que tenho lá em casa mas já não sei qual elas.




Tarte de Courgette



Ingredientes para 4 pessoas:
4 courgettes
Sal e pimenta q.b.
250 g de massa folhada
3 ovos
1 dl de leite
3 dl de natas (usei iogurte natural)
1 pitada de noz moscada
1 colher de chá de salsa picada
2 dentes de alho
50 g de queijo em tirinhas
50 g de bacon cortado em pedaços sem courato

Preparação:
Lave as courgettes e corte-as em rodelas finas; tempere-as com sal e coloque-as dentro de um coador durante meia hora.
Estenda a massa folhada e forre com ela uma forma de fundo solto.
Numa tigela, bata os ovos com o leite e as natas e tempere com sal, pimenta e noz-moscada; junte depois a salsa picada, os dentes de alho picados e as tirinhas de queijo e mexa bem.
Dentro da forma forrada, coloque camadas alternadas de rodelas de courgette, pedacinhos de bacon e da mistura de ovos.
Leve ao forno a 220ºC durante 35 minutos.
Sirva a tarte morna.



Informação sobre a courgette:
De polpa rija mas aquosa, a courgette é leve e pouco calórica (cerca de 30 calorias por cada 100 g). Como 90% da sua composição é água é considerada legume excelente para regimes dietéticos. Nesse caso, é preferível cazê-la a vapor ou no próprio liquído e servi-la em saladas. Se for tenra nem é preciso descascá-la.